Personal tools
You are here: Home Clientes Fundação Editora da Unesp Notícias 2021 01 Clássicos da Literatura Unesp ganha mais cinco títulos

Clientes

Clássicos da Literatura Unesp ganha mais cinco títulos

Jan 11, 2021

Obras da literatura nacional e estrangeira compõem nova rodada de lançamentos

A coleção Clássicos da Literatura Unesp ganhou mais cinco títulos de destacadas obras nacionais e estrangeiras numa nova rodada de lançamentos. Chegam aos leitores Urupês, de Monteiro Lobato, e Macunaíma, de Mário de Andrade – representando os autores brasileiros – e Oliver Twist, de Charles Dickens, O falecido Mattia Pascal, de Luigi Pirandello, e Eugénie Grandet, de Honoré de Balzac.

Os novos livros se somam aos já publicados A relíquia, do português Eça de Queirós, Histórias extraordinárias, do estadunidense Edgar Allan Poe; Contos, do francês Guy de Maupassant; e os nacionais, Quincas Borba, de Machado de Assis e Triste fim de Policarpo Quaresma, de Lima Barreto.

“Estes lançamentos que vêm a lume neste momento demonstram que a empreitada de publicar livros de literatura com a qualidade editorial da Unesp é muito bem-sucedida, especialmente quando considerado o retorno positivo que o público nos oferece”, comemora o diretor-presidente da Fundação Editora da Unesp, Jézio Hernani Bomfim Gutierre. “Sem sombra de dúvidas, os leitores podem esperar mais obras deste mesmo gabarito que certamente virão a integrar a coleção em um futuro próximo.” 

Eugénie Grandet
Honoré de Balzac | Tradução: Fernando Santos | 200 páginas | R$ 45

Publicado no fim de 1833, é o primeiro dos grandes livros de Balzac e, de acordo com muitos, também sua obra-prima. É expressivo o modo como Balzac inaugura em Eugénie Grandet a descrição de costumes, atores e espaços da vida provinciana. No centro da narrativa está o avaro Félix Grandet, antigo tanoeiro e ex-prefeito da cidade, que acumula fortuna considerável graças ao dote de casamento e à especulação financeira em tempos de instabilidade econômica, tornando-se uma das pessoas mais ricas e influentes da cidade de Saumur. Já Eugénie, sua filha, recebe visitas frequentes de pretendentes que apenas desejam sua fortuna, até que surge seu primo Charles, um jovem dândi parisiense. Rapaz refinado da capital, ele desperta o interesse da inocente Eugénie. O relacionamento dos dois jovens, entretanto, sofre interdições e percalços que afetam o destino da jovem Grandet. 

Macunaíma: O herói sem nenhum caráter
Mário de Andrade | 188 páginas | R$ 45

Em Macunaíma, o herói sem nenhum caráter, Mário de Andrade radicaliza o uso literário da linguagem oral e popular que já havia utilizado em seus livros anteriores e mistura folclore, lendas, mitos e manifestações religiosas de vários recantos do Brasil, como se fizessem parte de uma unidade nacional. Macunaíma, que ora é índio negro ora é branco, até hoje é considerado símbolo do brasileiro em vários sentidos: o do malandro esperto, amoral, que sempre consegue o que quer, e o do povo perdido diante de suas múltiplas identidades. Nas palavras do próprio autor, “Macunaíma vive por si, porém possui um caráter que é justamente o de não ter caráter”.

O falecido Mattia Pascal
Luigi Pirandello | Tradução: Silvia Massimini Felix | 262 páginas | R$ 55

O falecido Mattia Pascal é um romance em que Luigi Pirandello explora os mistérios de identidade. Nele se conta a história de um homem que, cansado da sua vida de arquivista e do casamento, decide viajar até Monte Carlo, onde a sorte lhe permite obter no casino uma enorme fortuna. É no regresso a casa que toma conhecimento de que, por engano, foi considerado morto. Decide começar uma nova vida com fortuna e outro nome, pensando assim libertar-se de compromissos e obrigações.  

Oliver Twist
Charles Dickens | Tradução: Renato Prelorentzou | 536 páginas | R$ 59

A sorte não sorri ao pequeno Oliver Twist. Havendo ficado órfão assim que nasceu, foi criado em um asilo sem receber qualquer carinho. Aos nove anos, já sabe o que é passar fome, sofrer maus tratos e trabalhar de sol a sol em uma fábrica. Decide, pois, fugir para Londres, buscando uma vida um pouco mais fácil. A grande cidade, no entanto, é repleta de perigos e de delinquência. Em mais uma de suas obras inesquecíveis, Dickens, a partir da trajetória do jovem Oliver, denuncia as dificuldades e penúrias que se abatem sobre os pobres de uma sociedade recentemente industrializada, sem, contudo, privar o leitor de notas de humor e esperança.

Urupês
Monteiro Lobato | 164 páginas | R$ 40

Urupês é uma coletânea de contos e crônicas do escritor brasileiro Monteiro Lobato, considerada sua obra-prima e publicada originalmente em 1918. Inaugura na literatura brasileira um regionalismo crítico e mais realista do que o praticado anteriormente, durante o romantismo.

 

Mais informações sobre os livros publicados pela Editora Unesp estão disponíveis no site: www.editoraunesp.com.br

Document Actions

Assessoria de Imprensa da Fundação Editora da Unesp:
Diego Moura | [email protected] 

Pluricom Comunicação Integrada®
www.pluricom.com.br