Personal tools
You are here: Home Clientes Grupo Editorial Autêntica Notícias 2011 10 Codorna assada | A Festa de Babette (1987)

Codorna assada | A Festa de Babette (1987)

by Katia Saisi last modified Oct 06, 2011 09:31 AM

É permitida a reprodução deste conteúdo desde que citada a fonte: 'Jantares de cinema: receitas dos seus filmes favoritos', de Bechy Thorn. São Paulo: Editora Gutenberg, 2011 (pág. 94-95).

“Que incrível: um vinho amontillado!
E é o mais refinado que já provei!”

Codorna assadaCodorna assada? Com certeza você está pensando que dá muito trabalho. Talvez dê mesmo. Mas para Babette, nesse filme fabuloso e provocativo, o que importa é seu desejo de oferecer um jantar delicioso às duas irmãs que a haviam ajudado. O interessante, entretanto, é que o banquete na verdade acaba possibilitando a elas a oportunidade de ampliar seus horizontes por meio de novos sabores e experiências. Muito já foi dito sobre a espiritualidade e as metáforas contidas nesse filme; porém, se você puder preparar esse banquete e proporcionar a seus amigos tanto prazer quanto o que Babette ofereceu a suas convidadas, é isso que importa.

[ELENCO & APOIO]

1 pacote de 500 g de massa folhada pronta
1 ovo batido
4 codornas
1 colher (sopa) bem generosa de manteiga (e mais um pouco)
1 colher (sopa) de óleo (e mais um pouco)
200 g de foie gras (a versão do filme leva esse ingrediente, mas pode ser opcional)
16 tiras de bacon
1 cebola chalota picada
250 g de cogumelos fatiados
sal e pimenta-do-reino a gosto

Serve 4 pessoas

[ROTEIRO]

1. Preaqueça o forno a 200°C. Desenrole a massa folhada, que deve ter cerca de 3 mm de espessura. Corte-a em círculos de 10 cm de diâmetro. Marque um raio a cerca de 1,5 cm da borda de cada círculo, tomando cuidado para não furar a massa.

2. Pincele a borda dos círculos com o ovo batido. Leve-os ao forno e asse por cerca de 15 minutos, ou até que dourem. Deixe esfriar e remova o centro de cada círculo de massa, formando um grande vol-au-vent (aperitivo francês em formato de cestinha). Aumente a temperatura do forno para 220°C.

3. Se as codornas tiverem cabeça, remova-as (ou lembre-se de pedir ao açougueiro para fazer o serviço para você). Com uma faca afiada, faça um corte ao longo de um lado da espinha da ave. Faça o mesmo do outro lado e remova a espinha. Repita o mesmo procedimento em todas as codornas. Então as lave, seque bem e tempere com sal e pimenta por dentro e por fora.

4. Aqueça a manteiga e o óleo em uma panela. Acrescente as codornas e deixe que dourem por igual. Reserve a manteiga na panela.

5. Pressione as costas das codornas até que voltem à forma original. Recheie cada ave com 50 g de foie gras, caso você opte por usar o ingrediente. Coloque-as numa assadeira e cubra o peito e as coxas de cada ave com as tiras de bacon. Leve ao forno, asse por 10 minutos e deixe repousar por 5 minutos.

6. Enquanto isso, na panela usada para dourar as codornas, refogue a chalota na manteiga até que comece a ganhar cor, acrescentando um pouco mais de manteiga e de óleo, se necessário. Adicione os cogumelos e refogue-os até que comecem a soltar líquido. Continue refogando até o líquido evaporar.

7. Ponha um vol-au-vent em cada prato. Coloque uma porção de cogumelos dentro de cada um e, por cima, uma codorna. Regue com o molho que ficou na assadeira onde as codornas foram assadas.

[VOZ EM OFF]

Existem massas folhadas prontas excelentes nos supermercados, mas prefira aquelas feitas somente com manteiga. Você pode comprar tanto as que já vêm abertas e enroladas ou abri-las por conta própria. Para falar a verdade, quando você decide encarar o desafio que é desossar uma codorna, o resto é fichinha!

Mais informações sobre os livros da Editora Gutenberg estão disponíveis no portal do Grupo Editorial Autêntica: www.autenticaeditora.com.br ou pelo telefone 0800 28 31 322

Document Actions